Quando ouço falar de Angra dos Reis logo me vem à mente aqueles passeios incríveis de escuna ou de lancha para conhecer as inúmeras ilhas da Costa Verde. Já estive em Angra várias vezes e sempre faço os passeios tradicionais, mas nessa minha última visita à cidade, tive a oportunidade de fazer o Walking Tour pelo centro histórico. Um passeio diferente e cheio de história, que nos revelou uma Angra dos Reis muito interessante.

Para quem nunca ouviu falar, o walking tour nada mais é que uma espécie de passeio guiado, usualmente de cunho turístico e realizado a pé, que ocorre de maneira sistemática em diversas cidades do mundo. Alguns deles ocorrem de forma gratuita, sendo chamados assim de free walking tours, muito embora habitualmente peçam uma contribuição ou gorjeta ao final.

Voltando para Angra dos Reis, fizemos esse passeio a convite da Angra & Ilha Grande CVB quando estivemos na cidade em junho de 2017 para o I FAMTOUR BLOGS ANGRA EXPERIENCE. Nosso guia foi o simpático Marcelo Miler, que nos apresentou a história da cidade.

Nosso tour começou na Igreja e Convento do Carmo, uma construção datada do século XVII. Um conjunto arquitetônico que abrange o edifício do convento, a Igreja do Carmo e a Igreja da Ordem Terceira, ambas igrejas separadas por uma torre sineira.  Ao lado da Igreja do Carmo fica a Praça General Osório, que foi projetada por Burle Marx.

Passamos pela Rua do Comércio, onde pode-se ver alguns edifícios antigos e chegamos na Igreja de Santa Luzia. A Igreja foi construída por volta de 1632 por uma confraria de pescadores, em 1749 a Igreja foi reformada, ganhando o frontão de feição barroco-rococó e talha dourada em seu interior.

Depois fomos conhecer a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, a construção teve início em 1625 para abrigar a imagem que veio de Portugal, mas a obra só foi concluída em 1750.  É a Igreja mais rica do município e foi tombada como patrimônio histórico nacional em 1954.

Seguimos para a Praça Nilo Peçanha, local onde estão situados os prédios históricos da Prefeitura e da Câmara Municipal, lugar que em tempos distantes abrigou o presídio da cidade.

Finalizamos o walking tour na Praça Almirante Tamandaré, visitamos o Mercado Redondo, onde são vendidos peixes e frutos do mar. Ao redor da praça ficam algumas lojinhas de artesanato e o comércio ambulante.

O passeio foi muito interessante e diferente de tudo que se espera ver em Angra dos Reis. Achei que valeu super a pena conhecer a história da cidade e ver como ela funciona hoje em dia. Descobri que Angra dos Reis tem muito mais a apresentar além das belezas marítimas. A Mariel do blog Somando Destinos também estava no Famtour e deu outras dicas de Passeios em Angra dos Reis em terra firme.

Quer saber mais sobre esse destino?

O QUE FAZER EM ANGRA DOS REIS

PASSEIO DE LANCHA EM ANGRA DOS REIS

7 PRAIAS IMPERDÍVEIS EM ANGRA DOS REIS

TRÊS ROTEIROS NÁUTICOS EM ANGRA DOS REIS

# PARA FACILITAR A SUA VIAGEM #

- Encontro o hotel ideal para sua viagem no Booking.com e garanta o melhor preço na sua hospedagem.

- Não deixe de fazer o seguro viagem com a Seguros Promo e viaje tranquilo. Utilizando o nosso código promocional (VIVINAVIAGEM5), você ganha 5% de desconto.

- Alugue um carro pela RentCars e faça seu próprio tempo e roteiro na sua viagem.